fundo parallax

Tendências em Desenvolvimento de Talentos

28/12/2019

Hoje em dia muitas áreas estão sendo envolvidas e impactadas pelas novas metodologias e tecnologias que vem surgindo em vários campos e, não poderia ser diferente na área de Treinamento e Desenvolvimento.

Estamos na verdade falando de como a globalização, o foco em Inovação e tecnologias como Digitalização, Inteligência Artificial, Gamificação, Robôs, Drones, Blockchain … que, ao ganharem escala podem ter custos menores, e assim deverão viabilizar e ampliar novas aplicações. Isto é uma tendência.

Nos últimos anos percebemos várias formas de treinamentos e o uso da interação como um dos fatores que mais cresceram na última década e, com isto, estudos e aplicações de como podemos fazer uma preparação (um pre-work) mais eficaz de Módulos que, combatendo o efeito do esquecimento ( curva de Ebbinghaus ) melhoram a retenção no pós treinamento ( pós-work ). Mais especificamente, oportunidades nesta área/pós treinamento, vem criando estudos e empresas dedicadas a soluções com foco na retenção e sustentabilidade do aprendizado e do conhecimento.

Na ATD-Association for Training and Development, há 2 anos atrás, conheci uma Empresa que vinha se dedicando a soluções, aplicações para ampliar o aprendizado e o conhecimento no pós treinamento, combatendo uma tendência que mostra uma queda acentuada no que foi aprendido se não exercitamos ou temos a disciplina de praticar o que aprendemos… Esta empresa se chama Mindmarker. Tivemos diversos contatos mas não demos continuidade à interação entre as partes. Percebi este foco, esta tendência mais recentemente também no CBTD – Congresso Brasileiro de Treinamento e Desenvolvimento que aconteceu há alguns meses aqui no Brasil.

Ainda na área de Treinamento, constatei muitos tipos de treinamentos e o uso de formas diferentes que podem compor um mesmo Módulo ou Solução. Por exemplo, o que está sendo rotulado de Blended, ou uma mistura de diversas formas e Metodologias tem sido uma composição muito usada nos últimos anos… Esta também é uma tendência, onde, conforme a audiência e o contexto desenhamos uma composição, uma solução personalizada que atenda às necessidades em questão.

Nestes casos, o que vemos são aplicações de Gamificação, YouTube, Quiz/Testes que provocam, tem o objetivo ampliar a interação, fazer o usuário ( a audiência ) pensar, refletir e responder. Em muitas situações competições são montadas usando equipes de alta diversidade de gênero, idades e culturas que podem “criar” ambientes propícios para inovação, interação e colaboração inclusive.

No mercado existem ambientes “montados” exatamente com o objetivo de promover a Inovação e a Colaboração…Um destes ambientes vem sendo estimulado pelo Bradesco: é o Inovabra Habitat… na Avenida Angélica 2529 em São Paulo. Lá em 10 andares coabitam 190 Start ups, 70 Empresas Corporate(como IBM, SAP, Accenture…entre outras) e cerca de 40 parceiros. Todos deste ambiente são estimulados a um alto nível de colaboração, inovação regada a forte conteúdo Tecnológico e energia com participantes de todas as idades! O Itaú também criou um ambiente, com alguma similaridade, denominado Cubo. Nos dois casos vale à pena conferir a convivência que acontece nestes ambientes, é também uma tendência na área de Treinamento e Desenvolvimento e já existe, há certo tempo ambientes com o mesmo objetivo em Pernambuco, Santa Catarina e outros estados brasileiros!

Desejamos a todos um Feliz 2020!

A. Ornellas 
Coach Executivo; Palestrante e Co-fundador da TCS Creative

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *