parallax background

Diversidade de Talentos

06/11/2020

Fizemos um podcast  junto com o time de RH da EMBRAER e com Jorginho, atual técnico de Futebol do Coritiba e ex jogador de Fubebol da Seleção Brasileira. Abordamos o tema: Diversidade de Talentos.

A diversidade é um componente presente em equipes de alta performance mas, mais importante que ter a diversidade no time é saber “como trabalhar com ela”. Um time formado por pessoas com diferentes visões, valores, experiências, histórias de vida, habilidades e atitudes traz em si uma força e ao mesmo tempo uma vulnerabilidade. Um time forte traz para a mesa talento, competência, arrojo, mas também traz individualidade, excesso de confiança, arrogância, dificuldade em assumir uma perda, um erro e assim por diante.

Existe diversidade dentro da diversidade. No futebol existem jogadores de velocidade, de cadenciamento, jovem, experiente, aquele que veio da favela e tem muita dificuldade em se posicionar. Na empresa é a mesma coisa. Você pode ter na equipe uma mulher, uma outra que também é mulher, mas é negra, uma outra que é mulher, negra e mora na favela… e assim por diante. As histórias são parecidas, mas, em hipótese alguma são iguais.

De acordo com o Jorginho, muitas vezes o técnico assume um time que já está montado e precisa fazer acontecer com aquele time, seja ele qual for. Escolher nem sempre é uma opção, a empatia e inspiração do líder fazem toda a diferença.

Aprendi hoje com um executivo de uma Instituição Financeira, ex-atleta de Natação o seguinte: “você só não pode ultrapassar o seu limite, mas pode chegar bem perto dele”. Achei isto sensacional.

O alinhamento e a sintonia são elementos presentes em um time de alta performance. Anos atrás, no mundial de atletismo da Coréia do Sul a medalha de ouro no revezamento 4 X 200 foi para a Jamaica, mas poderia ter ido para a equipe dos EUA que tinha as mesmas condições técnicas se não fosse um erro na passagem de um bastão de um atleta para o outro. Nas organizações acontece o mesmo, metas não são atingidas por falta de entrosamento, alinhamento, treino e presença do líder.

No esporte coletivo, o olhar positivo para as dificuldades e a crença de que os desafios serão superados são verdadeiras alavancas para se atingir melhores resultados. Nas organizações trabalhamos normalmente com dois eixos: Produtividade e Positividade. O eixo produtividade representa atributos necessários e visíveis tais como: estratégia, recurso, liderança… o eixo positividade representa atributos nem sempre visíveis… confiança, respeito, otimismo…etc. A positividade não só tem um enorme impacto na produtividade como, na verdade, é ela que alavanca os resultados.

Por fim…tenho assessorado alguns executivos que foram atletas de esporte coletivo e individual e chegaram em um ponto de excelência, mas de alguma forma não trazem para a empresa e também não são convidados a trazer as suas histórias de superação. Entendo que existe uma oportunidade aqui, para as empresas, colaboradores e atletas.

Confira o áudio: https://bit.ly/3eokChk_Podcast_DiversidadedeTalentos

Acompanhe nossas redes sociais- https://linktr.ee/TCS_Creative

Abraços,
Silvana Mello e Antonio Ornellas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *